Boeing realiza primeiro voo da história com “diesel verde”

diesel verde

A fabricante americana de aeronaves Boeing realizou no dia 02/12 o primeiro voo no mundo utilizando o “diesel verde”, biocombustível feito a partir de óleos vegetais, resíduos de óleo de cozinha e gordura animal. O feito foi realizado pelo ecoDemonstrator 787, modelo de testes da fabricante, utilizando 15% do biocombustível e 85% à base de petróleo na turbina esquerda.

Em 2011, a Boeing já havia constatado a semelhança química entre o diesel verde com o HEFA (ésteres e ácidos graxos hidroprocessados), biocombustível aprovado para aviação.

No entanto, as possibilidades ainda são limitadas. Com capacidade de produção de 800 milhões de galões nos EUA, Euro e Ásia, o diesel verde poderia suprir no máximo 1% da demanda global de combustíveis para aeronaves. Nos EUA, incluindo incentivos fiscais, o custo no atacado do combustível é de cerca de US$ 3 por galão, próximo ao convencional.

Para a diretora de Estratégia e Integração Ambiental da Boeing Julia Felgar, o diesel verde é uma oportunidade para tornar combustíveis sustentáveis disponíveis a preços melhores. A empresa irá disponibilizar dados dos voos para apoiar a aprovação do combustível na aviação comercial.

O diesel verde pode reduzir as emissões de carbono de 50 a 90% comparado aos combustíveis tradicionalmente utilizados na aviação. O biocombustível foi fornecido para a Boeing pela finlandesa Neste Oil.

Logística e imagem de marcaPowered by Rock Convert
Avatar

O Blog Logística é um espaço para falar sobre o mercado logístico brasileiro, notícias, opiniões de profissionais reconhecidos e muita informação para você acompanhar tudo bem de perto. Seja bem vindo e boa leitura!

0 Comentários

COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × 4 =