Intermodal deixa mensagem otimista para logística

Se o momento econômico é de dificuldades, o setor de logística e as lideranças governamentais procuraram deixar uma mensagem positiva durante a 21ª edição da Intermodal South America. O principal evento dos segmentos de logística, transporte de cargas e comércio exterior das Américas aconteceu entre os dias 7 e 9 de abril, em São Paulo.

Intermodal

Com mais de 680 marcas expositoras de 25 países, o tom do evento foi de assegurar confiança nas ações tomadas para retomada da economia. “Nestes 21 anos a Intermodal testemunhou vários momentos de desenvolvimento e de crise e mantém intacta a sua confiança no mercado e nas decisões do governo. Mesmo passando por um período de recessão econômica, realizamos a maior edição de todos os tempos”, ressalta Joris Van Wijk, presidente da UBM Brazil, realizadora da feira.

A cerimônia de abertura do evento contou com participação do ministro-chefe da Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP/PR) Eduinho Araújo, destacando a importância do evento e das ações para recuperação da economia. “A Intermodal South America é uma referência para o País e para o mundo, uma vitrine do que temos de melhor. Se há um setor que pode responder a este momento difícil é o portuário, como podemos ver aqui”, afirmou.

O diretor geral da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) Mario Povia também foi otimista, e aproveitou para apontar a burocracia como um dos principais retardadores dos investimentos no setor. “O PAC 2 destinou R$ 43,8 milhões para 241 ações. O que temos que combater é a burocracia. Os meios não podem sobrepor os fins”, argumentou.

O superintendente executivo da Caixa Econômica Federal em São Paulo, Gustavo Portela, reafirmou o compromisso da instituição com a logística. “Para a Caixa é fundamental estar presente na Intermodal. Aqui nós fortalecemos a nossa missão. Só em 2014 investimos R$ 33 bilhões em infraestrutura de transportes e logística”, explicou.

LOG Commercial Properties

A LOG esteve presente na Intermodal mantendo o cenário de otimismo do setor. Presente em 26 cidades de 9 estados brasileiros, a LOG teve maior absorção líquida do setor de aluguel de galpões logísticos no último ano, com 16% de tudo que foi negociado no Brasil, com mais de 230mil m² de novos negócios.

logistica cresce

De acordo com Sérgio Fischer, diretor executivo da LOG, a participação da LOG na Intermodal é pautada na demonstração das potencialidades de seus condomínios logísticos. Para o diretor, o investimento em localizações estratégicas é essencial, priorizando as facilidades de acesso e oferecendo um produto que atenda a diversos perfis de empresas.

A expectativa da LOG para o ano de 2015 é animadora. Para o diretor, apesar de o cenário macroeconômico ser desafiador, os números do último ano mostram que o Brasil está carente de parques industriais e a procura por locação de galpões tende a se manter aquecida.

“Percebemos que hoje os clientes são mais cautelosos na tomada de decisão, e o processo de negociação comercial é mais lento, porém, os contratos estão sendo efetivados já que o empresariado brasileiro percebeu que locar e dividir os custos da manutenção do espaço é muito mais rentável que investir em imóvel próprio”, explica o diretor.

 

Logística e imagem de marcaPowered by Rock Convert
Avatar

O Blog Logística é um espaço para falar sobre o mercado logístico brasileiro, notícias, opiniões de profissionais reconhecidos e muita informação para você acompanhar tudo bem de perto. Seja bem vindo e boa leitura!

PUBLICADO EM Mercado TAGS: Intermodal,

0 Comentários

COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

7 + seis =