Logística não é mais a Profissão do Futuro

Há algum tempo, era comum ouvir que a logística seria a profissão do futuro. Dizia-se que a logística deixaria de ser custo, para virar assunto estratégico dentro das empresas. Isso realmente aconteceu. Não é novidade, para os profissionais da área, de que os custos logísticos, no Brasil, chegam a 11,5% ou mais, o que é uma enormidade, se comparados a pouco mais de 8%, nos Estados Unidos, sem contar a infraestrutura totalmente precária, leis tributárias complexas e dezenas de outros problemas, que os profissionais de logística enfrentam todos os dias.

Logística não é mais a Profissão do Futuro

Sendo assim, a logística, mais do que nunca, é tratada como prioridade nas empresas e podemos dizer que, em muitos casos, é fator de sobrevivência, pois sem uma logística afinada, é impossível ter competitividade. Já imaginou ter muito mais estoque do que o necessário? O que acontecerá se não houver produtividade e organização na armazenagem? Ou se os produtos são entregues sempre atrasados ou a custos exorbitantes? Hoje, não é mais possível ter uma logística “meia boca”.

Então, nesse momento, sem dúvida alguma, os profissionais de logística são fundamentais para as empresas. Ou seja, logística não é mais a profissão do futuro, mas do presente! Isso é urgente!

Você está preparado para ser um profissional ou gestor de logística?

A logística está longe de ser uma atividade tranquila. Muitas operações são “nervosas”, outras longe de terem uma previsibilidade, devido a nossa péssima infraestrutura logística. Além disso, o profissional precisa ser muito qualificado e não apenas nas principais áreas que envolvem a logística (estoque, armazenagem e transporte). O profissional tem de saber negociar, gerenciar, ser proativo e ter disposição para resolver muitos problemas.

Quer mais uma lista de conhecimentos que esse profissional precisa ter? Vamos lá: cálculo, lógica, gestão da demanda, aspectos tributários, tecnologia, gestão de projetos, embalagem, compras, atendimento ao cliente, processos, metodologias de custeio e muitos outros. A lista certamente é muito maior do que essa.

Se você está entrando na área, pode pensar: “mas por que alguém escolheria seguir essa profissão que exige tanto conhecimento e perfis diferentes, indo desde a área de exatas até humanas, e cobra tanto assim do profissional?” Se você é da área, já sabe a resposta: paixão. As pessoas que trabalham com logística são apaixonadas pelo que fazem e por aprender e inovar cada vez mais. Gostam de ver as coisas acontecendo, obter resultados e poder partilhar com todos os envolvidos as melhorias que conseguem, mudando um detalhe ou outro na operação, que passava despercebido ou, até mesmo, implantar novos processos e operações, que mexem com toda a estrutura da empresa, mas que são fundamentais para aumentar a competitividade. São pessoas que dão o sangue para trabalhar com logística.

Então, a logística não é mais a profissão do futuro? Não, é a profissão do presente. Aqueles que já são ou os que ainda serão profissionais de logística colherão belos frutos. Porém, lembre-se que é preciso se capacitar, ler muito e conhecer, cada vez mais, sobre logística, no sentido mais amplo da palavra. Os assuntos são muitos, mas para os logísticos, isso é uma grande motivação, e para você?

Marco Antonio Guapo

Editor da Revista MundoLogística e Diretor da MAG Editora. Além da edição da Revista MundoLogística há 7 anos, realizou diversos eventos como o LogisTI Fórum, CD Fórum e o Prêmio FedEx Profissional e Projeto de Logística do Ano há 5 anos consecutivos.

1 Comentário

  1. Avatar eneida lima disse:

    Gostaria de receber informações sobre o profissional do futuro em logística e transportes…2030-2040

  2. Avatar cleberson disse:
    Seu comentário está aguardando moderação. Esta é uma pré-visualização, seu comentário ficará visível assim que for aprovado.

    quer mais uma lista de conhecimentos que esse profissional precisa ter? Vamos lá: cálculo, lógica, gestão da demanda, aspectos tributários, tecnologia, gestão de projetos, embalagem, compras, atendimento ao cliente, processos, metodologias de custeio e muitos outros. A lista certamente é muito maior do que essa.

  3. Avatar cleberson disse:
    Seu comentário está aguardando moderação. Esta é uma pré-visualização, seu comentário ficará visível assim que for aprovado.

    Sendo assim, a logística, mais do que nunca, é tratada como prioridade nas empresas e podemos dizer que, em muitos casos, é fator de sobrevivência, pois sem uma logística afinada, é impossível ter competitividade. Já imaginou ter muito mais estoque do que o necessário? O que acontecerá se não houver produtividade e organização na armazenagem? Ou se os produtos são entregues sempre atrasados ou a custos exorbitantes? Hoje, não é mais possível ter uma logística “meia boca”.
    Então, nesse momento, sem dúvida alguma, os profissionais de logística são fundamentais para as empresas. Ou seja, logística não é mais a profissão do futuro, mas do presente! Isso é urgente!

COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6 + 8 =