Como funciona a Entrega no Mesmo Dia da Amazon?

Gerar valor para o consumidor é um dos grandes motes de qualquer atividade, e em segmentos que lidam com logística isso não poderia ser diferente. No Brasil, o e-commerce lida com o dilema do frete grátis diariamente. A saída é mostrar, por meio de serviços de alta qualidade, o quão valioso é o processo de entrega. E com isso em mente a Amazon criou seu programa de entregas no mesmo dia.

O Same-Day Delivery da Amazon (Entrega no Mesmo Dia da Amazon) foi inaugurado oficialmente em maio de 2015, quando o serviço foi iniciado em algumas regiões metropolitanas dos Estados Unidos: Seattle, San Francisco, Los Angeles, San Diego, Phoenix, Dallas, Indianapolis, Tampa Bay, Atlanta, Washington, Baltimore, Philadelphia, Nova York e Boston.

Em abril deste ano, outras cidades receberam o serviço, totalizando 27 regiões metropolitanas e mais de 500 cidades.

Same-Day Delivery Amazon

O mercado recebeu o movimento da Amazon como um forte golpe no comércio físico, já que a entrega no mesmo dia corrigiria o fator de velocidade que o e-commerce têm de inferior.

Após o Natal de 2015, a empresa afirmou que os pedidos para entrega no mesmo dia aumentaram 10 vezes comparado a 2013.

Como comprar?

Para a compra chegar ainda no mesmo dia, é necessário fazer o pedido até o meio dia, que ele será entregue até às 9 horas da noite. Se a compra for realizada após às 12 horas, o produto é entregue no dia seguinte.

Contudo, não é todo o catálogo da Amazon que está disponível para esta modalidade. No momento, cerca de 1 milhão de produtos podem ser entregues no mesmo dia, quantidade ainda pequena perto dos 253 milhões de itens totais comercializado pelo e-commerce nos EUA.

entrega no mesmo dia Amazon

As entregas são realizadas sete dias por semana – exceto em Boston, onde não acontece a atividade no sábado. O serviço também não é disponibilizado em datas comemorativas como Thanksgiving, Natal e Ano Novo.

Quanto custa?

Para os assinantes do serviço Amazon Prime, a entrega no mesmo dia custa US$ 5,99 para pedidos de até US$ 35 e grátis para valores superiores. Sem a assinatura, o valor da entrega expressa é US$ 8,99, com um acréscimo de US$ 0,99 por item.

São valores baixos para o mercado americano. Considerando a necessidade de uma compra de última hora, o serviço é ainda mais valioso para os usuários.

Logística

Para possibilitar essa revolução no e-commerce, é necessário estrutura, equipamentos e processos logísticos extremamente eficientes e inovadores.

Para operar o Same-Day Delivery da Amazon, é necessário processar a compra e o pagamento, identificar e movimentar o produto no galpão de armazenagem, embalá-lo corretamente, despachar o pedido e transportar até o endereço de entrega. Tudo em um intervalo de no máximo nove horas.

A Amazon não oferece tantos detalhes sobre os seus processos internos, mas algumas informações sobre seus processos já foram apuradas no Blog Logística, como o uso dos robôs Kiva.

O estoque da empresa é realizado nos famosos e grandiosos Fulfillment Centers – os centros de distribuição da Amazon.

Na unidade Phoenix, por exemplo, trabalham cerca de 1.500 pessoas em uma área de mais de 365 km². Por meio de software os itens pedidos são procurados dentro do centro e dispostos nas correrias de transporte.

Quando um pedido é confirmado, os empregados conhecidos como pickers – apanhadores –recebem um alerta sobre qual item e onde está localizado. Ele é colocado em uma caixa, por onde é enviado, via correias, para a área de embalagem. Todos os processos são feitos com agilidade para garantir que a remessa seja entregue no mesmo dia.

logistica Amazon

Entre 2011 e 2015, a Amazon criou 50 dessas centrais de distribuição, chegando ao total de 109 estruturas de armazenamento no mundo.

Uma análise recente, reportada quando a empresa iniciou a estruturação de sua própria frota de aviões cargueiros, apontava para a estratégia de trabalhar com centros de distribuição menores, localizados dentro de áreas urbanas, para facilitar o transporte e agilizar as operações internas.

Assim, a empresa se prepara para as operações futuras envolvendo drones, o que deve expandir ainda mais as possibilidades, como entregas em até meia hora.

Embora a Amazon não informe a eficiência financeira desse tipo de solução logística, a expectativa do mercado é que, ao menos neste momento inicial, as atividades gerem prejuízo.

Contudo, o serviço deve se tornar mais popular e ser disponibilizado em outros países e regiões no futuro próximo. Isso somado a um provável impacto no comércio de ponto de venda, a empresa de Jeff Bezos está em uma posição de vanguarda, ainda sem uma concorrência estabelecida.

Avatar

O Blog Logística é um espaço para falar sobre o mercado logístico brasileiro, notícias, opiniões de profissionais reconhecidos e muita informação para você acompanhar tudo bem de perto. Seja bem vindo e boa leitura!

2 Comentários

  1. Avatar carlos disse:

    ola bom dia a amazon prine tem entrega rapida para o brasil

    • Olá Carlos,
      A LOGCP atua na incorporação, construção e locação de propriedades comerciais como Condomínios Logísticos, Loteamentos Industriais, Shopping Centers e Strip Malls. Não entregamos mercadorias. Veja essas informações no site da Amazon.

COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dez − 6 =