Mercado

Saiba qual é o custo de armazenagem de um produto

O custo de armazenagem de um produto está relacionado aos dispêndios que uma empresa gera ao receber, movimentar, estocar e expedir os produtos para seus clientes. Na medida certa, eles são necessários para manter a operação funcionando (com qualidade), mas, quando muito elevados, podem aumentar o valor para o cliente final ou prejudicar a lucratividade.

Saiba qual é o custo de armazenagem de um produto

Pensando na importância de controlar o custo de armazenagem, falaremos a seguir sobre as categorias de custos dessa gestão e como eles influenciam diretamente na precificação dos produtos. Continue a leitura e tire as suas dúvidas!

Aluguel de armazém

Se sua empresa não conta com uma estrutura própria para armazenar os produtos, o custo com o aluguel deve ser incluído no orçamento e na estrutura de custo dos itens. Além disso, ainda existem outros gastos referentes à estrutura — que independem de ser imóvel próprio ou alugado. Entre eles, estão:

  • energia elétrica;
  • água;
  • impostos (como o IPTU);
  • manutenções.

Se o armazém divide espaço com o escritório, é importante determinar qual é a área usada pelo estoque. Assim, o cálculo se torna mais preciso.

Depreciação de máquinas e equipamentos

Depreciação é a desvalorização que os ativos de uma empresa sofrem ao longo do tempo. Para calcular esse custo, é preciso saber por quanto tempo os bens são utilizados antes de serem trocados.

Portanto, para saber qual é o custo mensal da depreciação das máquinas e equipamentos — como empilhadeiras, racks e paletes —, deve-se dividir o valor do investimento no momento da compra pela quantidade de meses que o ativo é usado antes de ser substituído.

Mão de obra

Consiste no valor gasto mensalmente com a equipe responsável pela execução e gestão das operações envolvidas no armazém. Entre eles, estão os auxiliares, conferentes, assistentes, analistas, supervisores, coordenadores e gerentes, por exemplo.

Aquisição de paletes

O palete é usado para unitizar as cargas, aproveitar melhor o espaço dentro do estoque e garantir o armazenamento adequado dos produtos — evitando avarias, por exemplo. A aquisição desses materiais entra no custo de armazenagem e também deve ser considerada no custo de depreciação.

Serviços de estoque

Um bom exemplo do custo referente aos serviços de estoque é o investimento em tecnologia, adotando soluções que ajudam a automatizar a rotina e torná-la mais eficiente.

Como o custo de armazenagem influencia no preço final de um produto

Uma precificação ideal envolve os custos envolvidos com os produtos e a margem de lucro que se espera obter com as vendas. Isso quer dizer que não se deve considerar somente o custo de aquisição dos itens, mas também aqueles que estão ligados ao esforço para disponibilizá-los — e isso envolve o custo de armazenamento.

Portanto, ao realizar os cálculos para se chegar ao preço final, os gastos com armazenagem devem ser incluídos. Mas, se eles forem muito elevados, podem fazer com que o valor seja acima do mercado e espante os clientes ou que parte da sua margem de lucro seja sacrificada (para se enquadrar à média praticada).

A fim de reduzir os custos com estoques, pode-se contar com algumas soluções, como:

  • diminuir o lead time dos processos (de abastecimento, separação de pedidos e expedição, por exemplo);
  • reduzir os níveis de estoque;
  • adotar uma rotina de melhorias contínuas.

Apesar de ser uma área responsável por atividades mais operacionais, a gestão de estoques exerce um papel fundamental dentro das empresas e pode influenciar na satisfação dos clientes e até mesmo no desempenho financeiro do negócio. Por isso, conhecer e controlar o custo de armazenagem é essencial para alcançar resultados ainda mais satisfatórios.

Gostou desse post de hoje e quer continuar acompanhando as novidades que compartilhamos? Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhum conteúdo!

O Blog Logística é um espaço para falar sobre o mercado logístico brasileiro, notícias, opiniões de profissionais reconhecidos e muita informação para você acompanhar tudo bem de perto. Seja bem vindo e boa leitura!

PUBLICADO EM Mercado TAGS:

Desculpe, o formulário para comentários no momento não está disponível.